Kannemann completa três anos no Grêmio e se torna estrangeiro com mais títulos no clube – NoroesteOnline.com

Kannemann completa três anos no Grêmio e se torna estrangeiro com mais títulos no clube

19 de julho de 2019
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um dos ídolos da torcida gremista, o zagueiro Walter Kannemann completa três anos no Grêmio, nesta sexta-feira. Com 141 jogos e 4 gol marcados, o argentino virou uma das principais referências de raça na equipe e tem o nome gravado na história vencedora dos últimos anos. São seis títulos com a camisa tricolor, o que o coloca como o estrangeiro mais vencedor na última década pelo clube.

Considerado a melhor contratação do Grêmio, em 2016, o argentino segue escrevendo seu nome na história do clube com títulos e conquistas individuais. Kannemann estava no Atlas, do México, antes de chegar em Porto Alegre. Foi apresentado no clube em 19 de julho em 2016 como uma contratação de peso para o sistema defensivo tricolor.

Na atual temporada já atuou em 19 partidas e balançou as redes em uma oportunidade. Vestindo a camisa azul, preta e branca são seis títulos conquistados até o momento: dois estaduais, uma Copa do Brasil, uma Libertadores, uma Recopa Sul-Americana e uma Recopa Gaúcha.

Com essas taças erguidas na última década, nenhum estrangeiro conquistou mais títulos que o camisa 4 do tricolor. Foi no clube gaúcho que ganhou notoriedade, mesmo já tendo conquistado uma Copa Libertadores com a equipe do San Lorenzo, em 2014. Desempenhando um bom futebol e com atuações de destaque, o jogador de 28 anos foi convocado, pela primeira vez, para a Seleção Argentina em agosto de 2018. Pela seleção já foi convocado em quatro oportunidades e estava na lista de Lionel Scaloni para a Copa América desse ano. Mas, uma lesão nas costelas o tirou da competição.

Conhecido pelos seus companheiros como uma pessoa divertida, o gringo já conquistou oito títulos em sua carreira. Além dos seis pelo clube gaúcho e a Libertadores com o San Lorenzo, também venceu um torneio inicial com o time do Papa Francisco. Como conquistas individuais, foi eleito o melhor zagueiro do Rio Grande do Sul, duas vezes, e um dos melhores defensores da América em 2018.

Fonte: O Sul

EAD UNIJUÍ

31 de julho de 2019
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content