Colômbia vence Senegal e avança às oitavas de finais da Copa do Mundo – NoroesteOnline.com

Colômbia vence Senegal e avança às oitavas de finais da Copa do Mundo

28 de junho de 2018
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Colômbia venceu o Senegal por 1 a 0, nesta quinta-feira (28), em Samara, pela última rodada do grupo H do Mundial. Com o resultado, a seleção sul-americana avançou para as oitavas de final do torneio. O gol colombiano foi marcado aos 28 minutos do segundo tempo pelo zagueiro Mina. Ele cabeceou para o fundo das redes após um escanteio cobrado por Quintero. A seleção de Senegal, uma das surpresas desse Mundial, foi eliminada após a derrota.

O jogo

A partida teve um ritmo forte nos seus primeiros movimentos. Com muitas movimentações no meio de campo, grande número de faltas nos primeiros lances chamou a atenção. Foi numa dessas infrações aliás que a Colômbia chegou com perigo pela primeira vez. Na tentativa, Quinteiro chutou no lado do goleiro, que conseguiu se recuperar no lance e realizar a defesa.

Precisando do resultado a Colômbia tinha uma maior posse de bola. No entanto Senegal era rápida e extremamente perigosa nos contra-ataques. Aos 16 minutos, os africanos conseguiram fazer uma bela trama ofensiva, e Mané foi derrubado na área por Davnson Sánchez. No primeiro momento, o árbitro Milorard Mazic anotou a penalidade. No entanto, após a consulta do árbitro de vídeo o juiz voltou atrás em sua decisão e anulou a infração.

Aos 24 minutos, a Colômbia criou uma das melhores chance do primeiro tempo. Após o cruzamento na área de Quinteros, Falcão Garcia subiu mais que a defesa adversária e ganhou a bola pelo alto. No momento da finalização porém a bola acabou passando por cima.

No entanto, a superioridade da Colômbia na partida sofreu um importante baque após o meia James Rodrigues pedir para ser substituído aos 30 minutos do primeiro tempo. Vale lembrar que o principal jogador da seleção colombiana já havia sido poupado da estreia da equipe na competição por um problema na panturrilha.

Na segunda etapa, a pressão colombiana foi ainda maior, já que o empate não servia naquele momento, porque o Japão empata com a Polônia no resultado parcial. Ao mesmo tempo que tentava trabalhar mais a bola no campo de defesa, os sul-americanos abriram mais espaço para os contragolpes senegaleses puxados sempre por Mané.

Mesmo com uma maior posse de bola, a Colômbia não conseguiu criar uma chance clara de gol. As melhores chances eram feitas a partir de cruzamentos que encontravam o centroavante Falcão Garcia dentro da área, porém as cabeçadas saíam sem grande força.

Aos 20 minutos, o meia Muriel finalizou firme aproveitando a sobra de um novo cruzamento. No entanto, a bola foi desviada por um defensor africano já dentro da pequena área.

Se Falcão Garcia conseguia subir mais que a defesa adversária porém errava no momento de cabecear, o zagueiro Mina resolveu o problema. Aos 28 minutos, Mina subiu mais que todo mundo e testou firme pro chão, sem chances para o goleiro africano.

Após o gol, a seleção senegalesa estava sem eliminada com os resultados parciais, por ter mais cartões amarelos que os japoneses. Partindo pro ataque pela necessidade do resultado, Senegal conseguiu criar uma chance importante logo aos 31 minutos, quando Niang virou e finalizou bonito dentro da área para um boa defesa de Ospina.

Nos minutos finais, o panorama da partida se inverteu e quem abusou dos contra golpes foram os colombianos, porém sem grande sucesso. Por outro lado, os senegaleses tentavam atacar, porém não conseguiram furar a defesa colombiana.

Ficha Técnica

SENEGAL X COLÔMBIA

Local: Cosmos Arena, em Samara (Rússia)
Data: 28 de junho de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 11 horas (de Brasília)
Árbitro: Milorard Mazic (Sérvia)
Assistentes: Milovan Ristic (Sérvia) e Dalibor Cjurdjevic (Sérvia)
Cartões: Niang (Senegal), Mojica (Colômbia)
Gols: Yerri Mina aos 28 minutos do segundo tempo

SENEGAL: Khadim N’Ndiaye; Gassama, Salif Sané, Kalidou Koulibaly e Youssouf Sabaly (Wagué); Kouyate, Gueye, Sadio Mané e Ismaila Sarr; Keita Baldé (Konaté) e M’Baye Niang (Sakho)
Técnico: Aliou Cissé

COLÔMBIA: David Ospina; Santiago Arias, Yerry Mina, Davinson Sánchez e Johan Mojica; Carlos Sánchez, Uribe (Lerma), Juan Cuadrado, Juan Quintero e James Rodríguez (Muriel); Radamel Falcao Garcia (Miguel Borja)
Técnico: José Pekerman

Pós-Graduação UNIJUÍ – Viva essa experiência transformadora!

8 de agosto de 2018
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content