Encontro Técnico Regional da Emater/RS-Ascar é realizado na Expoterneira - NoroesteOnline.comNoroesteOnline.com ">

Encontro Técnico Regional da Emater/RS-Ascar é realizado na Expoterneira

27 de setembro de 2022

Inserido na programação da Expoterneira 2022, o Encontro Técnico Regional da Emater/RS-Ascar reuniu extensionistas dos 45 municípios de abrangência da Instituição, na região administrativa de Santa Rosa, na sexta, 23, em Três de Maio. O grupo acompanhou estações sobre diversos temas técnicos e sociais, com o intuito de aprofundar o conhecimento e qualificar as ações de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (Aters).
Com isso, os extensionistas que participaram do Encontro têm a missão de multiplicar as informações junto às mais de 20 mil famílias assistidas pela Emater/RS-Ascar na região, de modo a promover ações que contribuam na geração de renda e qualidade de vida.
O secretário municipal da Agricultura de Três de Maio, Volmir Rettori, destacou a importância de promover espaços de construção de conhecimento que fazem a diferença na sociedade. Da mesma forma, o presidente da Expoterneira 2022 e chefe do Escritório Municipal, Leonardo Rustik, reiterou a importância do conhecimento gerado a partir da feira, que irá impactar, além dos limites do Parque de Exposições, na vida de milhares de famílias.
O gerente regional da Emater/RS-Ascar, José Vanderlei Waschburger, destaca que no Espaço Agro da feira busca-se apresentar opções a todos os produtores, mesmo aos que migraram de atividade, para que possam permanecer no rural com diferentes formas de geração de renda. Também lembra o trabalho integrado da Emater/RS-Ascar, que leva em conta questões técnicas, sociais e ambientais.
No Espaço Agro foram conduzidas estações sobre reservação de água e irrigação, bovinocultura de leite e defesa sanitária animal, com a presença de técnicos da Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), além de secagem e armazenagem de grãos, defesa sanitária vegetal, com ênfase no controle da cigarrinha do milho, boas práticas de aplicação de agrotóxicos e meliponicultura. Todas essas estações inseridas em um local de mais de mil m² chamam a atenção pela relação harmônica entre a canola existente no espaço e as abelhas, que se alimentam da floração da oleaginosa e retribuem com polinização.
Já no Espaço Gilson Grando foram abordadas as temáticas da segurança e soberania alimentar, com ênfase em tecnologias para produção diversificada de alimentos para o consumo da família, e a promoção do bem-estar, com ações de embelezamento de arredores, apresentando-se exemplos como a técnica da Kokedama.

Vestibular Verão Unijuí 2023

6 de outubro de 2022
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados