Famílias que moram perto de barragem com risco de ruptura em cidade gaúcha são enviadas para locais seguros – NoroesteOnline.com

Famílias que moram perto de barragem com risco de ruptura em cidade gaúcha são enviadas para locais seguros

7 de novembro de 2019
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Após risco de ruptura, a Defesa Civil do Rio Grande do Sul fez uma vistoria terrestre e aérea na Barragem dos Pinheiros, situada no assentamento Vitória do Caiboaté, em São Gabriel (Região da Campanha). A Secretaria de Assistência Social do município notificou as famílias em locais sob perigo, encaminhando-as a residências em áreas seguras ou hotéis.

Conforme o subchefe de Defesa Civil, tenente-coronel Rodrigo Dutra, a indicação técnica do Incra e da UFSM foi pela interdição do barramento e redução da lâmina d’água da barragem. A avaliação contou com técnicos da prefeitura, engenheiros do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), Sema (Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura), UFSM (Universidade Federal de Santa Maria) e Corpo de Bombeiros.

Ao longo dos próximos dias, o órgão emitirá um relatório completo das ações, considerando as opiniões técnicas das instituições envolvidas. O documento será remetido ao órgão fiscalizador do governo federal.

Rodovias estaduais

O Daer (Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem) informou que ao menos duas rodovias estaduais estão com trechos bloqueados em razão da chuva que provocou o transbordamento do rio Taquari.

Na ERS-129, o acúmulo de água causou interrupção do tráfego em três trechos: Mariante a Bom Retiro (quilômetros 4 e 10), Bom Retiro a Estrela (quilômetros 13 e 14) e Estrela a Colinas (quilômetro 50). Não há alternativa de desvio para os dois primeiros segmentos. No último, os motoristas podem utilizar como rota a estrada municipal.

Já a ERS-130 está interditada de General Câmara a Mariante (quilômetros 29 e 31) e de Mariante até Cruzeiro do Sul (quilômetro 48). Nesses trechos, não há caminhos alternativos.

Em ambos os casos, a liberação do trânsito será realizada assim que a água do rio Taquari retornar a um nível seguro, sem pontos de alagamento nas estradas.

Fonte: O Sul

Vestibular de Verão UNIJUÍ 2020

30 de setembro de 2019
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content