Primeiro biquíni menstrual foi lançado no Brasil – NoroesteOnline.com

Primeiro biquíni menstrual foi lançado no Brasil

14 de julho de 2018
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Alternativas ao absorventes tradicionais, as calcinhas menstruais surgiram, junto com os coletores, como opções menos poluentes para as mulheres que menstruam. Apesar de terem gerado muitas dúvidas quando chegaram ao mercado, elas ganham cada vez mais novas adeptas e designs diferentes, contemplando gostos e estilos variados. Agora, a Herself, marca criada em 2016 via financiamento coletivo pela então estudante de engenharia química, Raíssa Kist, vai inserir mais uma grande novidade no Brasil: os biquínis e maiôs menstruais.

Assim como as calcinhas, eles serão lançados primeiramente via financiamento coletivo, incentivando assim a participação das interessadas no processo de criação. A tecnologia usada nos biquínis é a mesma das calcinhas, um tecido ultra absorvente e com função antimicrobiana que evita fungos, bactérias e odores. A diferença é que na peça que entra e sai da água com segurança existe uma camada de revestimento, que retém a menstruação e deixa apenas a água passar, evitando que haja vazamentos no momento de saída do mar ou da piscina. Sim, apesar do cloro presente, a peça também pode ser usada na piscina, mas é imprescindível o enxágue no pós-uso para não comprometer durabilidade.

Quem quiser participar do financiamento coletivo e ser uma das primeiras brasileiras a ter o biquíni ou o maiô menstrual ainda poderá escolher o modelo, corte, tamanho, estilo de tecido, detalhes e nomes das peças, e o preço varia entre R$ 150 e R$ 180. Os envios começam a partir de outubro e o lançamento no site oficial está previsto para novembro, bem a tempo do verão. A grade de tamanhos também é um fator importante para a marca, que vai oferecer do 32 ao 60.

“O modelo inicial, que foi escolhido para as primeiras fotos, foi definido a partir de mais de 200 respostas de mulheres por meio de formulários de desenvolvimento analisados desde março”, explicam as criadoras, que se inspiraram em peças que já existem fora do país para apresentá-la ao mercado nacional. “A parte de baixo leva em conta principalmente a questão da funcionalidade. Não poderíamos, por exemplo, usar um biquíni de amarrar porque poderia comprometer a proteção”.

O lançamento oficial foi realizado na Casa Modaut, ponto físico de vendas da Herself em Porto Alegre, dia 13 de julho, dia que também marca deu início do período na plataforma de crowdfunding Catarse.

Processo Seletivo EaD Unijuí

28 de janeiro de 2020
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content