Programa de Residência da Unijuí prepara médicos para a comunidade local - NoroesteOnline.comNoroesteOnline.com ">

Programa de Residência da Unijuí prepara médicos para a comunidade local

11 de maio de 2022

O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade, da Unijuí, já está em sua 16ª edição. Em 2006 teve início a primeira turma, numa parceria com a Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa (Fumssar), já em 2010, a Pós-Graduação foi expandida e incluiu também a prefeitura de Ijuí. O objetivo é formar profissionais para atuação no SUS, com foco nas características e problemas reais da região, desenvolver, manter e fazer história com esses profissionais, na área de atuação da Unijuí.

O médico de família e comunidade tem uma relação mais próxima com a comunidade, conhece as pessoas, os relacionamentos familiares e o contexto em que estão inseridas. Desenvolve suas atividades sem distinção de pacientes ou área médica; conhece muito mais do que somente o estado clínico de saúde, trabalha na prevenção e promoção à saúde, atua no início, na evolução e no tratamento ou reabilitação.

O coordenador do Programa de Residência, professor doutor Luís Antônio Benvegnú, explica que a especialidade médica cuida de pessoas de todas as idades, com necessidades em qualquer um dos sistemas e órgãos. “Do ponto de vista clínico, ele está preparado para resolver a maioria dos problemas, baseado nas melhores evidências científicas. Também sabe como e quando encaminhar o paciente para outro especialista, como receber de volta e continuar o acompanhamento. É o médico que não sabe apenas que doença a pessoa tem, mas sabe também quem é a pessoa que tem a doença”, afirma Benvegnú.

Nesta edição, o Programa conta com dois residentes. Luisa Cascaes dos Santos realiza sua residência junto à Fumssar e destaca a importância do atendimento humanizado, da empatia e do diálogo no diagnóstico, medicação e cura. “Pretendo abraçar a comunidade, criar a melhor relação médico-paciente possível e contribuir para a melhora da saúde das pessoas. Nestes primeiros meses de residência, já cresci muito com os conhecimentos que me foram passados pelos preceptores e colegas das unidades de saúde onde atuo. Tudo isso é fundamental para a evolução que almejo como médica e pessoa”, afirma a estudante.

Já Bernardo dos Santos Zucco, realiza sua residência na Secretaria Municipal de Saúde de Ijuí, acredita no potencial do médico, enquanto profissional capaz de contribuir de maneira efetiva na comunidade. “Como residente de Medicina de Família e Comunidade consigo cumprir um papel essencial na organização do sistema de saúde, buscando sanar o maior número de demandas da população, da melhor forma possível. Após a residência, o objetivo é expandir esse conhecimento, experiência e avançar nas melhorias do nosso sistema de saúde”, afirma Bernardo.

A Unijuí, enquanto Universidade Comunitária, ainda mais próxima das pessoas e de suas necessidades essenciais.

Pós-Graduação Unijuí – Para quem reinventa o amanhã

29 de março de 2022
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados