Rio Grande do Sul deve encerrar 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos dez anos – NoroesteOnline.com

Rio Grande do Sul deve encerrar 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos dez anos

12 de dezembro de 2019
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Entre janeiro e novembro, o número de vítimas de homicídios no Rio Grande do Sul chegou a 1.616, o que representa uma redução de 26,2% em relação aos 2.191 assassinatos registrados no mesmo período do ano passado. Na comparação entre novembro deste ano e o 11º mês de 2018, houve queda de 34,7%: de 193 mortes para 126.

Com esse resultado, o Estado deve encerrar 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos dez anos. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (12) pela Secretaria da Segurança Pública.

Em Porto Alegre, o número de vítimas de homicídio desde janeiro chegou a 279, uma queda de 44% frente a igual intervalo do ano anterior. Considerando apenas novembro, o número caiu de 29, em 2018, para 18.

Os latrocínios também se mantêm em queda. No acumulado do ano, houve 65 roubos com morte em todo o Estado, o que representa uma redução de 21,7% diante do 83 casos verificados igual período do 2018. Em Porto Alegre, a retração foi de 23,1%, com o total de ocorrências de latrocínio passando de 13 para dez nesse período.

Novembro apresentou estabilidade em relação aos roubos com morte registrados no mesmo mês do ano passado no Estado, com oito ocorrências. Já na Capital, houve um caso a mais, passando de dois para três latrocínios no mês.

Roubos de veículos

No acumulado desde janeiro em relação a 2018, os roubos de veículos no RS caíram 31,9%: foram 10.302 ocorrências neste ano frente 15.124 em 2018.  Porto Alegre responde pela maior parte dessa redução. Na Capital, foram registrados 3.339 roubos de veículos a menos entre janeiro e novembro – de 7.767 ocorrências para 4.428, uma diminuição de 43%.

Bancos

Entre janeiro e novembro, houve 101 ocorrências na soma entre furtos e roubos a banco no RS, o que representa 43,6% a menos do que no mesmo período de 2018. Na Capital, na mesma comparação, foram seis casos a menos (-27,3%): de 22 para 16.

Mulheres

Até o final de novembro, o total de feminicídios no RS teve queda de 7%, com 93 casos ante os cem ocorridos no ano anterior. As tentativas de assassinato de mulheres em razão do gênero também tiveram retração, de 2,1%, passando de 333 ocorrências para 326 até o 11º mês deste ano.

Na mesma comparação, houve quedas de 1,6% nas ameaças (de 34.153 para 33.973), de 4,4% nas lesões corporais (de 19.593 para 18.730) e de 3,3% entre os estupros (de 1.595 para 1.542).

Vestibular de Medicina UNIJUÍ 2020

29 de novembro de 2019
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content