Sanção de Temer aumenta os super-salários da Câmara de Ijuí – NoroesteOnline.com

Sanção de Temer aumenta os super-salários da Câmara de Ijuí

27 de novembro de 2018
Compartilhar
  • 58
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    58
    Shares

Foi sancionada ontem pelo presidente Michel Temer, o projeto de lei que reajusta os salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal em 16,38%, passando de R$ 33 mil para R$ 39 mil.

O reajuste do STF acarreta num gasto extra de mais de R$ 312 mil ao ano na Câmara de Ijuí, isso por que os salários dos servidores da Câmaras municipais são regulados com base no teto do STF e na última sessão ordinária, realizada na segunda-feira, 26, o presidente Rubem Jagmin, não revogou o artigo que alteraria os super-salários na câmara ijuiense.

Existe servidor da câmara cujo salário, com benefícios extras, chega a R$ 70 mil bruto por mês, contando com 13º salário, são mais de R$ 900 mil para a um único servidor por ano na Câmara de Vereadores.

O servidor com vencimento mais alto, por exemplo, parte de um salário base de R$ 15,9 mil. Mas, somam-se em seu contracheque 10 avanços, gratificações, promoções, vantagens pessoais e abono permanência que elevam o vencimento para R$ 70,1 mil. Desse valor, a Câmara desconta do servidor o imposto de renda, a previdência e mais R$ 32,7 mil da rubrica “Abate Teto” — para que o valor não ultrapasse o salário dos ministros do STF.

Vestibular de Inverno 2019 Unijuí

20 de maio de 2019
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados
Skip to content