Agroindústria de doces retoma atividades no interior de Santo Ângelo - NoroesteOnline.comNoroesteOnline.com ">

Agroindústria de doces retoma atividades no interior de Santo Ângelo

30 de julho de 2021
Vinte produtores trabalharão na fabricação de compotas, doces secos e cristalizados. Projetam ainda a produção de conservas e beneficiamento de mandioca
Ato realizado na manhã desta sexta-feira (30) marcou a retomada das atividades da agroindústria de doces da Associação dos Produtores de Melão da Ilha Grande (APMIG). Após alguns anos fechada, a agroindústria teve liberado o alvará sanitário e retoma a produção com apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural (SDR).
A agroindústria, por meio de 20 produtores, trabalhará no processamento de doces para a fabricação de compotas de produtos como melão, abóbora, melancia, morango, pêssego, batata doce e outros, além de fabricar frutas cristalizadas, mandioca congelada, pepino em conserva. Além disso, projeta trabalhar com o beneficiamento da mandioca.
O ato de reabertura contou com as presenças do prefeito Jacques Barbosa; vice-prefeito Volnei Teixeira; secretário municipal de Desenvolvimento Rural, Àlvaro Uggeri Rodrigues; vereador Vando Ribeiro; presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) e da 10ª Feaagri Missões, Daniel Casarin; Diomar Formenton, coordenador de Projetos e Programas da SDR e produtores da localidade.
Em nome dos produtores, o presidente da APMIG, Alessandro Peppe, agradeceu a parceria do Governo Municipal, fundamental para a retomada do projeto. “A comunidade busca alternativas de renda. Começou com o melão e foi diversificando. Com o apoio do Governo Municipal, vamos trabalhar a industrialização e agregar valor, gerar emprego e renda”.
PRODUÇÃO DIVERSIFICADA
O secretário Àlvaro Rodrigues ressaltou que a diversificação de culturas é importante para a estabilidade econômica das comunidades e elogiou a iniciativa dos produtores de Ilha Grande. “Aceitaram o desafio, vão investir na industrialização de uma produção diversificada e isso resultará em produtos de excelência para os consumidores e uma melhor qualidade de vida para a comunidade local”.
O prefeito Jacques Barbosa afirmou que o poder público tem o dever de incentivar quem quer trabalhar e isso ocorre em relação aos agricultores familiares e as agroindústrias. “Esse pensamento empreendedor que os produtores de diversas localidades do nosso interior tem demonstrado é que vai fazer a diferença. O nosso papel na gestão é criar o cenário para que isso ocorra”, comentou.
Jacques disse ainda que o trabalho não se encerra com a inauguração da agroindústria, mas que segue com o apoio para a produção, a capacitação das pessoas envolvidas e a comercialização. “Trabalhamos para o desenvolvimento de novas áreas de produção, como os orgânicos, por exemplo, que já tem pessoas da Ilha Grande trabalhando e é uma tendência de consumo. A piscicultura e a apicultura são outros exemplos. Nosso compromisso é seguir incentivando iniciativas que vão gerar receita no meio rural e contribuir, também, para a sucessão familiar rural, mantendo as pessoas no interior”, avalia.
Texto: Hogue Dorneles
Fotos: Fernando Gomes

Vestibular Unijuí 2022

14 de outubro de 2021
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados