Desemprego cai em 22 Estados brasileiros, entre eles o Rio Grande do Sul, no segundo trimestre deste ano - NoroesteOnline.comNoroesteOnline.com ">

Desemprego cai em 22 Estados brasileiros, entre eles o Rio Grande do Sul, no segundo trimestre deste ano

13 de agosto de 2022

A taxa de desemprego caiu em 22 Estados brasileiros, entre eles o Rio Grande do Sul, no segundo trimestre deste ano na comparação com os três meses anteriores, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (12) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

As outras cinco unidades da Federação registraram estabilidade no índice. As maiores taxas de desemprego foram verificadas na Bahia (15,5%), Pernambuco (13,6%) e Sergipe (12,7%), e as menores, em Santa Catarina (3,9%), Mato Grosso (4,4%) e Mato Grosso do Sul (5,2%). No Rio Grande do Sul, o desemprego caiu de 7,5% no primeiro trimestre para 6,3% no segundo.

Na média nacional, a taxa ficou em 9,3% no segundo trimestre, ante 11,1% nos três primeiros meses de 2022, uma queda de 1,8 ponto percentual. A pesar do recuo, o desemprego ainda atinge mais de 10 milhões de brasileiros.

A taxa de desocupação por sexo no País foi de 7,5% para os homens e de 11,6% para as mulheres no segundo trimestre. Já por cor ou raça ficou abaixo da média nacional para os brancos (7,3%) e acima para os pretos (11,3%) e pardos (10,8%).

A taxa de desocupação para as pessoas com ensino médio incompleto (15,3%) foi maior do que os índices dos demais níveis de instrução analisados. Para as pessoas com nível superior incompleto, a taxa foi de 9,9%, mais do que o dobro da verificada para o nível superior completo (4,7%).

O rendimento médio real mensal habitual dos trabalhadores brasileiros foi de R$ 2.652, mantendo estabilidade frente ao primeiro trimestre de 2022 (R$ 2.625) e caindo 5,1% ante o mesmo período de 2021 (R$ 2.794).

Fonte: O Sul

Pós-Graduação Unijuí – Para quem reinventa o amanhã

29 de março de 2022
Copyrights 2018 ® - Todos os direitos reservados